3 DICAS FUNDAMENTAIS DE FOTOGRAFIA PARA INICIANTES

Fotografar é maravilhoso, concorda? É apaixonante fazer registros e enquadrar num pequeno espaço algo significativo para nós e/ou para outras pessoas.

Em tempos de smartphone todo mundo se coloca como fotógrafo. Mas, vamos com calma. Fotografar bem é muito mais do que simplesmente apertar um botão.

Até para fazer boas fotos com o celular é preciso de alguns conceitos importantes (falaremos sobre isso em outra postagem, ok?).

Seja com uma câmera ou com o celular, há conceitos básicos que você precisa ter em mente para fazer fotos de qualidade e que traduzam o seu sentimento; afinal, o ato de fotografar não é algo mecânico. É uma arte!

Foi pensando nisso que separei algumas dicas que julgo importantes para te ajudar nos seus primeiros passos.

Mas é importante frisar, de antemão: são apenas dicas iniciais.

A arte de fotografar bem está condicionada a dois fatores primordiais: estudar sempre e treinar diariamente.

Vamos às dicas! Tome nota:

1 – DIAFRAGMA

O Diafragma (f) tem a responsabilidade de controlar a entrada de luz que entra na sua câmera. Quando nos referimos a ele, falamos em “fechamento” e “abertura”, ou seja, quanto mais aberto estiver, mais luz entrará na sua câmera; quanto mais fechado, menos luz.

Para entender de forma simples sobre abertura e fechamento, guarde assim:

– Quanto mais o “f” se aproxima do número “1”, mais aberto o diafragma está.

– Quanto mais o “f” se distancia do número “1”, mais fechado o diafragma está.

EXEMPLIFICANDO: Se o “f” estiver em 4, ele estará mais aberto (entrará mais luz) do que se estivesse em 11.

Ué, 4 é maior do que 11? Sim, quando falamos de Diafragma é assim que devemos raciocinar, tudo bem?

 

2 – OBTURADOR

O Obturador fica na frente do sensor da câmera e funciona como uma janela; determina o tempo em que a luz é projetada em sua câmera.

Ou seja, quanto mais tempo aberto, mais luz entrará, e vice-versa.

É muito importante entendermos bem sobre a regulagem do Obturador, principalmente quando quisermos registrar pessoas/objetos em movimento.

EXEMPLIFICANDO: para congelar uma pessoa correndo é necessário trabalhar com uma velocidade alta; isso significa dizer que o Obturador precisa abrir e fechar rapidamente, captando apenas de fração do movimento do corredor.

A velocidade do Obturador varia muito, de segundos até frações de 1 segundo. Por exemplo, quando temos uma velocidade de 1/250, significa que o Obturador vai abrir e fechar em 250 avos de segundo.

Muito rápido, né?

Mas é somente assim que é possível registar (e congelar) algo que se movimente com rapidez.

Pode ser que surja a pergunta: “Mas qual a velocidade do Obturador que devo utilizar para os diferentes tipos de assunto que existem?”.

A resposta é bem simples: o que determina isso é a prática. É preciso experimentar, treinar o olhar, DIARIAMENTE. É somente desta maneira que você será capaz de mensurar qual a velocidade ideal para cada tipo de assunto a ser fotografado.

 

3 – ISO

O ISO tem a missão de cuidar da sensibilidade do sensor da sua câmera à luz. Quando maior for o número do ISO, maior a capacidade de captar luz do exterior, e vice-versa.

Mas é importante ter em mente: quanto mais você aumenta o valor do seu ISO, mais qualidade de imagem você perde.

Como assim?

Com ISO muito alto, começam a surgir “grãos” na sua imagem.

Mas o que são esses grãos?

Grãos são ruídos na imagem, que perde em qualidade. Porém, muitas vezes, é inevitável!

Em locais muito escuros, você precisa compensar a falta de luz com o aumento do Diafragma, do Obturador e do ISO.

Tem também o Flash, mas isso é assunto para outro post.

 

A Fotometragem

Agora que você conhece um pouco sobre esses três elementos básicos da sua câmera (há muito o que estudar sobre isso), é preciso tirá-la da gaveta e aprender a Fotometrar.

Fotometrar é buscar o equilíbrio; é gerar harmonia entre esses três elementos para que a sua foto tenha a luz necessária para acontecer realmente nos seus olhos e no seu coração.

Mas não fuja da condição essencial: para Fotometrar bem, é preciso PRATICAR DIARIAMENTE. É somente dessa maneira que essa parte mecânica será dominada por você.

A partir daí, o diferencial será o seu talento e a sua sensibilidade. E isso você tem de sobra, né?

Vamos à prática! Bons cliques!

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: